segunda-feira, 19 de setembro de 2011

Espetáculo de Dança Baraka

Espetáculo de Dança Baraka

O seleto público que assiste ao Espetáculo de Dança Baraka, em Brasília, tem a rara oportunidade de ver um show de técnica, competência e arte. Em tempos de “artistas instantâneos” e “celebridades” fabricadas, a atriz e dançarina MIRABAI, professora da Secretaria de Educação do GDF, prova que beleza e talento não se conseguem com apelação, silicone, botox ou dezenas de cirurgias plásticas. Por isso, não é exagero reafirmar que o público que assiste a seu espetáculo, além de seleto, pode se considerar privilegiado.
Continua em cartaz na Sala Alberto Nepomuceno, Teatro Nacional em Brasília, a artista/dançarina MIRABAI, que encanta a todos que a assistem. O espetáculo tem foco central na sua performance, resultado de muitos anos de estudos e pesquisas da dança clássica indiana.
Sem recursos mirabolantes de iluminação ou objetos que, a título de cenário, possam atrapalhar ou desviar a atenção da platéia, a atriz dá um show de técnica, equilíbrio, fôlego e – melhor – em 57 minutos surpreende pela verdade, beleza e lirismo.
O figurino, criado por ela, ganha destaque especial contra o fundo do palco, coberto por simples cortina preta. A maquiagem elaborada destaca – e reforça – toda capacidade expressiva que a atriz utiliza para dar ênfase à personagem vivida em cena.
Quem ainda não assistiu MIRABAI no Espetáculo de Dança Baraka, tem somente o próximo fim-de-semana para apreciar sua performance e conferir que, simplicidade e competência são suficientes para, com talento, surpreender a platéia que, do silêncio embevecido, dança e canta com descontração junto com a atriz/dançarina quando o espetátulo chega ao fim. Vale a pena conferir.
Serviço: Espetáculo de Dança Baraka; patrocínio do FAC; apoio do Sindicato dos Professores do Distrito Federal (SINPRO/DF); com a professora/atriz/dançarina MIRABAI; sexta, sábado e domingo, dias 23, 24 e 25 de setembro; 19 horas; Sala Alberto Nepomuceno, Teatro Nacional, em Brasília.

Carlos Guilherme R. Batista
Jornalista

Nenhum comentário:

Postar um comentário

DANÇA DA CHUVA

Estou pesquisando sempre o eixo que emana na transição do efeito da dança na dançarina e o trabalho da dançarina sobre si mesma. Um c...